Blog
Rosca BSP e NPT

O que são roscas BSP e NPT e quais as suas diferenças?

Quando pensamos em uma rede de tubos de condução de fluídos, sejam eles líquidos ou gasosos, muitas vezes falamos de projetos grandiosos, com curvas, níveis distintos e grandes estruturas.

Para que a condução de qualquer fluído seja feita de forma ininterrupta e correta, é necessário contar com mais do que apenas bons tubos de condução, mas também com roscas que farão a junção adequada entre eles. Para isso, existem as roscas BSP e NPT.

O que são as roscas BSP e NPT?

Roscas são um conjunto de filetes em torno de uma superfície cilíndrica, que têm como função principal encaixar dois materiais através de um movimento helicoidal (giros repetidos em espiral em torno de um eixo).

No caso das roscas BSP e NPT, elas realizam este trabalho em tubulações, impedindo vazamentos e dando sequência à condução dos fluídos por todo o sistema.

O que é rosca BSP?

A rosca BSP (British Standard Pipe) é uma conexão própria para tubulações sobretudo em instalações domiciliares, prediais e industriais. É bastante comum na Europa, Ásia, Oceania e África do Sul.

Também conhecida como “rosca paralela”, ela obedece às normas técnicas ISO 7/1; NBR ISO 7.1; EN 10226; BS 21; BS EN 10226 e JIS B 0203, e adequa-se perfeitamente a tubos de condução cujos diâmetros estejam dentro da norma NBR 5580 (DIN 2440/2441).

O que é rosca NPT?

Também chamada de rosca cônica, a rosca NPT (National Pipe Thread) segue as normas ANSI B1.20.1 e NBR 12912, e adequa-se melhor a tubos de condução dentro da norma NBR 5590 e seus diâmetros específicos.

Muito popular nos EUA e no Canadá, é mais usada em conexões de tubulações mais robustas de água e gás.

Quais as diferenças entre a rosca BSP e a rosca NPT?

Em ambas, a vedação ocorre pelo aperto dos filetes e eventual adição de um vedante. Mas há diferenças de aplicação que podem influir na segurança e qualidade da conexão.

A rosca BSP, por exemplo, pode ser rosqueada até o final de sua área desenvolvida durante sua fabricação, mas em muitos casos é necessário utilizar um veda-rosca ou anel de vedação.

Já a NPT funciona de acordo com o “princípio do arredondamento”. Conforme a conexão vai sendo realizada, seu diâmetro vai aumentando na mesma proporção até a vedação se completar e o sistema travar. Ela também é mais robusta que a BSP e pode atender a requisitos mais elevados de pressão e confiabilidade.

Qual a rosca ideal para tubos de condução?

Entre as mais variadas aplicabilidades, pode-se dizer que não existe uma rosca ideal, mas sim a que mais se adapta a cada projeto, e claro, a cada tipo de tubo e sua norma técnica.

Independente de qual seja a mais indicada para o seu projeto, na Century Tubos você pode encontrar ambas. Entre em contato conosco e solicite já um orçamento!

Empresa certificada com CRCC Petrobras
Empresa com certificado ONIP
Empresa com certificado NBR ISO 9001