Category Archives: Tubos

Qual o tubo recomendado para uma rede de incêndio? Tubos redes de incêndio

Um tubo para rede de incêndio deve atender quesitos claros de segurança e eficiência na condução de água para evitar acidentes ou controlar chamas. Mas você sabe o que faz uma tubulação de incêndio ser considerada boa e apta a qualquer ambiente? Confira a seguir.

O que é uma rede de incêndio e por que ela é importante?

Uma rede de incêndio é um sistema que impede a propagação de chamas em caso de  incêndio, sendo capaz de apagá-lo. Cada projeto precisa ser pensado de acordo com a planta do local, pensando em saídas de emergência, portas corta-fogo e, sobretudo, a tubulação de condução de água.

Em qualquer ambiente grande na construção civil é importante contar com uma rede de incêndio, e inclusive, isso é imprescindível para a obtenção de alvará de funcionamento em alguns casos.

Quais os principais componentes de uma rede de incêndio?

Os principais componentes de uma rede de incêndio incluem mangueiras, registros, válvulas, caixas de abrigo, entre outros, além é claro, dos tubos de aço de condução.

Estes componentes devem atender aos requisitos da regulamentação AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros), um documento obrigatório para qualquer projeto de edifícios residenciais ou comerciais, e os tubos envolvidos também devem seguir normas próprias.

Quais as normas técnicas de um tubo de aço para rede de incêndio?

Tubos de aço para redes de incêndio devem obedecer às normas NBR 5580 e NBR 5590. Elas determinam os padrões de qualidade de tubos de aço carbono, pretos e galvanizados para aplicações na condução de fluidos, incluindo os não corrosivos como a água.

No caso da NBR 5590, os tubos devem conter marcações individuais em baixo relevo e com a marca do fabricante do tubo na superfície externa ou interna a cada 1 metro. A ideia é identificar o fabricante do tubo para que, caso ocorra um incêndio e estes tubos falhem, seja possível identificar a origem do material. Em todo o processo produtivo existe um certificado de qualidade, com testes de qualidade que asseguram que o material esteja dentro da norma técnica adequada. Caso o tubo de condução não possua estas marcações em baixo relevo, ele não pode ser considerado como dentro da norma NBR5590.

Como deve ser uma boa tubulação para rede de incêndio?

Os tubos de aço carbono para condução de fluídos nas redes de incêndio precisam apresentar resistência superior, baixa manutenção e concordância com as normas técnicas. Sendo assim, além de possuírem diâmetros e espessuras específicas e pré-determinados, é indicado que eles também sejam galvanizados.

Com a galvanização, os tubos recebem uma camada extra de zinco, e obtêm maior durabilidade e resistência a intempéries ou aos fluídos conduzidos dentro dele. Dessa forma, nas redes de incêndio os tubos galvanizados permitem um melhor trabalho sob pressão da água, maior resistência a choques mecânicos e mais estabilidade, além de garantir estanqueidade.

Seja para indústrias, edifícios comerciais ou residenciais, empresas e galpões ou qualquer ambiente com significativa circulação de pessoas, vale a pena investir em tubos de aço carbono galvanizados e conexões de qualidade, para garantir que o barato não saia caro no futuro e que a segurança de todo o local seja preservada.

Procurando tubos de condução para rede de incêndio confiáveis e resistentes? Fale com a gente e saiba mais!

https://centurytubos.com.br/tubos-de-conducao/tubo-para-rede-de-incendio/850/century/ Quais as normas técnicas de um tubo de aço? normas técnicas

Tubos de aço, sejam para fins estruturais ou de condução, demandam resistência, durabilidade, robustez ou leveza e muitos outros atributos obrigatórios para que qualquer projeto seja executado com segurança.

Imagine utilizar um tubo errado ou de baixa qualidade para uma tubulação de incêndio, ou para a sustentação de vigas e outros elementos construtivos, por exemplo. Isso pode gerar problemas catastróficos no futuro. Para isso, existem normas técnicas que orientam a produção de um bom tubo de aço. Vamos conhecê-las?

Normas técnicas para tubos estruturais

As normas técnicas para tubos estruturais garantem que eles tenham um padrão de dimensões, acabamentos, espessuras e muito mais para que o projeto construtivo seja seguro e esteja dentro dos parâmetros aceitos pelas entidades reguladoras e pelo mercado. As mais comuns são:

Norma ASTM A500

Esta é uma norma de padronização internacional, que incide sobre os tubos de aço-carbono com solda longitudinal de seção circular, quadrada, retangular e especial para fins estruturais. As aplicações destes tubos são em estruturas metálicas, colunas, estacas de fundação, entre outras, que podem ser soldadas, parafusadas ou rebitadas.

Os tubos contemplados pela Norma ASTM A500 possuem algumas caraterísticas específicas, como fabricação com soldagem (costura) e são formados a frio. Eles podem ser de graus A, B ou C, e diferem conforme sua composição química, suas propriedades mecânicas e seus tratamentos térmicos.

Norma NBR 6591

Esta norma define os tubos de aço-carbono com solda longitudinal de seção circular, quadrada, retangular e especial para fins industriais, aplicáveis em indústrias e maquinário fabril.

Os tubos dentro desta norma podem ser fabricados a partir de três categorias de aço, laminados a frio, laminados a quente e galvanizados eletrolíticos ou galvanizados a quente, e também devem apresentar resistência elétrica HIFIW (High Frequency Induction Welding); proteção por emulsão a água ou óleo e extremidades cortadas perpendicularmente ao eixo longitudinal do tubo, podendo apresentar rebarbas ou não.

Norma NBR 8261

Ela também incide sobre tubos de aço-carbono com solda longitudinal de seção circular, quadrada, retangular e especial para fins estruturais, mas com aplicações como estruturas metálicas, andaimes, colunas, estacas de fundação, entre outros. Tubos dentro da Norma NBR 8261 atendem aos mais exigentes padrões e projetos da construção civil para qualquer estrutura.

O processo de fabricação, solda, proteção e corte de extremidades é o mesmo da Norma NBR 6591, e o que difere ambas é a aplicabilidade dos tubos e sua tolerância às propriedades químicas e mecânicas. No caso da NBR 8261 – assim como da ASTM A500 -, há definições claras sobre as proporções de elementos (carbono, manganês e cobre) que devem formar a liga metálica de aço.

Normas técnicas para tubos de condução

No caso dos tubos de condução de fluídos, não só a segurança é um fator fundamental, mas também sua resistência à corrosão e intempéries, visto que eles muitas vezes ficam expostos e/ou transportam líquidos e gases corrosivos ou que podem fazer um material inferior enferrujar com o tempo. As normas que regem a produção adequada destes tubos são:

Norma NBR 5580

A Norma NBR 5580 determina os padrões de qualidade de tubos de aço-carbono com ou sem solda longitudinal, preto ou galvanizados, para aplicações na condução de fluidos, incluindo os não corrosivos, água, gás e vapor.

Dentro dela, os tubos devem ser fabricados na categoria de aço de laminados a quente, podendo ser galvanizados, e devem apresentar solda com resistência elétrica HIFIW (High Frequency Induction Welding), proteção por emulsão a água ou óleo e não podem apresentar rebarbas ou imperfeições nas extremidades. A NBR 5580 exige que nada impeça a estanqueidade ou o acoplamento de luvas e conexões e a execução da ranhura. Suas extremidades podem ser lisas, ranhuradas ou rosqueadas, além de chanfradas, faceadas ou cortadas diretamente da máquina, mas sempre sem apresentar rebarbas.

Norma NBR 5590

Já a norma NBR 5590 incide sobre os tubos de aço-carbono com ou sem solda longitudinal preto ou galvanizados com requisitos. Suas aplicações principais são as mesmas da NBR 5580: condução de fluidos – incluindo os não corrosivos – água, gás e vapor; mas com requisitos de qualidade.

Os tubos desta norma são fabricados na categoria de aço de laminados a quente, no Grau A ou B, podendo ser galvanizados e pintados. Os processos de solda e proteção são os mesmos, e eles também não podem apresentar rebarbas nas extremidades.

Entretanto, existem diferenças entre a Norma NBR 5580 e NBR 5590. Na segunda, os tubos podem ser fornecidos com as extremidades lisas, biseladas, chanfradas, ranhuradas para acoplamento mecânico (Grooved), rosqueadas ou rosqueadas com luva, e mais: devem conter marcações individuais na superfície externa ou interna, em baixo relevo, com o logotipo, nome do fabricante, ou símbolo associável, no máximo a cada 1 metro do tubo. A ideia é facilitar eventuais manutenções em grandes tubulações, dando uma “localização” específica da peça que precisa de reparos.

Tubos da norma NBR 5590 também possuem algumas especificações relacionadas à resistência da pressão.

Conheça melhor as normas técnicas para os tubos de aço-carbono

Para todas as aplicações e dimensões, aqui na Century Tubos você encontra tubos de aço dentro das normas vigentes. Você pode conferir as dimensões, espessuras e tolerâncias de cada uma destas normas em nosso site, neste documento disponível para download.

Seu projeto fica mais seguro e seu custo x benefício é superior com os tubos de aço Century. Conheça-nos melhor entrando em contato conosco por aqui.

https://centurytubos.com.br/century-tubos/normas-tecnicas-tubos-de-aco/846/century/ Quais tubos de aço usar na construção civil? tubos de aço na construção civil

O uso de tubos de aço na construção civil é comum em obras de qualquer porte, nos mais variados projetos de engenharia. Os chamados “tubos estruturais” trazem resistência, leveza e fácil processamento para os projetos construtivos, tornando-se grandes aliados de obras com prazos acelerados.

A seguir, conheça um pouco mais sobre a importância dos tubos de aço na construção civil e quais devem ser utilizados para garantir uma obra de sucesso.

Por que os tubos de aço são tão usados na construção civil?

Com estética agradável, estes tubos também oferecem bom potencial para rentabilidade e facilidade no processamento. São bastante resistentes à compressão, tração e torção, por isso são considerados ideais na etapa de estruturação das obras.

Quais as vantagens dos tubos de aço na construção civil?

Eles apresentam grande uniformidade de características mecânicas e dimensionais, de modo que sua aplicação costuma ser simples. Suas superfícies são lisas, sem cantos vivos ou ângulos, deixando a pintura e a manutenção bastante práticas.

Os tubos de aço são estruturas de alta resistência à corrosão e até mesmo ao fogo, sendo capazes de suportar condições operacionais adversas e garantir durabilidade quando expostos às intempéries, seja no ambiente doméstico, industrial, rural ou mesmo aquático.

Além disso, estes tubos também costumam ser mais baratos. As operações tecnológicas utilizadas para produzi-los são simples e, consequentemente, mais em conta do que em comparação com outros metais. Seu custo x benefício fica ainda maior se levarmos em consideração toda a sua facilidade de manuseio, montagem e desmontagem.

Onde podem se aplicar tubos estruturais na construção civil?

Os tubos de aço estão presentes nos mais variados segmentos da construção civil. Na arquitetura, são muito utilizados sob forma de treliças espaciais, vigas treliçadas, entre outros, que enriquecem o aspecto visual e dão um ar arrojado e moderno. Também são bastante comuns em alambrados de estádios esportivos, aeroportos, plataformas de petróleo, pontes, torres de transmissão, andaimes e muito mais.

Como saber se um tubo de aço é ideal para a construção civil?

Antes de mais nada, para atestar a qualidade dos tubos de aço na construção civil deve-se verificar se eles foram produzidos dentro das normas NBR 8261, NBR 6591 ou ASTM A500. Isso garantirá que eles seguem o padrão produtivo de qualidade em termos de material utilizado, dimensão, espessura, peso e demais características.

Consideradas as normas técnicas, é importante determinar as dimensões que os tubos devem ter para atender seu projeto de forma adequada. Por padrão, eles costumam apresentar as seguintes medidas:

Se você já entendeu quanto sua obra pode se beneficiar de um tubo estrutural e está procurando pelos melhores modelos do mercado, conte com a Century Tubos. Fale conosco e solicite um orçamento!

 

 

https://centurytubos.com.br/tubos-estruturais/tubos-de-aco-usar-na-construcao-civil/836/century/ Quais as diferenças entre tubos de aço com costura e tubos de aço sem costura? Diferenças entre tubos com Costura e sem Costura

Tubos de aço carbono podem contar com as chamadas “costuras”, que são soldas de uma chapa de metal em suas extremidades para uni-las. Mas quais as diferenças entre tubos de aço com e sem costura? Em quais aplicações eles podem ser usados? Descubra a seguir!

O que são Tubos com costura

Os chamados “tubos com costura” são tubos de aço que recebem uma soldagem nas extremidades, unindo-as através do calor e de instrumentos específicos para adquirir as diferentes espessuras, metragens e diâmetros desejados.

Estes tubos são comuns nas mais variadas indústrias, como a automobilística, a usinagem, o agronegócio, maquinário e equipamentos, entre muitas outras.

O que são tubos sem costura

Tubos de aço sem costura não passam por nenhum tipo de soldagem. São produzidos com cilindros de aço que são aquecidos e posteriormente têm seu miolo retirado, ficando ocos e sendo posteriormente perfurados.

Podem ser utilizados em aplicações de pressão de óleo ou vapor para grandes esforços, como projetos de pistões hidráulicos e caldeiras em grandes indústrias.

Como se produz um tubo de aço com costura?

Para produzir um tubo de aço com costura, uma chapa de aço maciça é dobrada em volta de si, unindo as extremidades para formar um cilindro. Na sequência, o ponto de contato entre as laterais dessa placa é soldado, ou “costurado” de forma imperceptível, criando o tubo com costura.

Quais as vantagens de um tubo com costura?

Versáteis, resistentes e mais baratos, os tubos com costura podem atender diversas aplicações e acabam sendo mais econômicos, pois seu processo produtivo é mais simples.

Existem poucas opções de fabricantes de tubos sem costura no Brasil, o que torna sua comercialização praticamente um monopólio, sujeita à disponibilidade ou à importação de novas peças. Dessa forma, além do custo x benefício de um tubo com costura ser considerável, sua aplicabilidade é bastante ampla e sua disponibilidade tende a ser maior.

Na Century Tubos, trabalhamos apenas com tubos com costura, em entendimento às demandas do nosso mercado. Oferecemos tubos com costura a pronta entrega tanto para fins estruturais como para condução, dentro das normas técnicas NBR6591; NBR8261, ASTM A500, NBR5580 e NBR5590.

Solicite um orçamento entrando em contato conosco e descubra toda a versatilidade e economia dos tubos com costura!

 

https://centurytubos.com.br/century-tubos/diferencas-tubos-costura/828/century/ Conheça o Tubo Cardan – Um tubo para elementos de transmissão Tubos Cardan

Ideal para o setor automotivo, de implementos rodoviários ou mesmo em maquinário industrial, o tubo de aço Cardan reúne resistência, eficiência e uma aplicabilidade bastante específica. Conheça mais sobre ele a seguir.

O que é um tubo Cardan?

O tubo cardan é aplicado no eixo-cardan, sendo uma peça essencial para o funcionamento do equipamento que o utiliza.

É utilizado em equipamentos cuja necessidade de transmissão de força se dá entre dois pontos distintos: o Gerador de força e o Receptor. Em alguns equipamentos, pode haver desalinhamento entre ambos, sendo necessário que o eixo cardan trabalhe com alguns graus de desalinhamento entre eles sem haver perda de torque ou velocidade. Para tal, o tubo cardan é utilizado de forma que o desalinhamento não comprometa o desempenho do eixo, com as cruzetas exercendo papel fundamental neste trabalho, propiciando o ângulo necessário para que o eixo cardan exerça seu pleno desempenho no sistema.

Por que os tubos Cardan recebem este nome?

O nome vem de seu inventor, Geronimo Cardano, no século XVI. Alguns estudiosos pesquisavam como levar a força gerada pelo motor para as rodas traseiras de um veículo ou de uma máquina rudimentar, e depois de alguns experimentos, Cardano criou o eixo que hoje leva seu nome.

Como funciona um tubo para eixo cardan?

Basicamente o eixo-cardan transmite a força de um motor para um eixo. No caso de caminhões, por exemplo, essa transmissão é feita do câmbio ao diferencial, possibilitando a tração traseira a partir de um motor dianteiro. Já nas aplicações na indústria, o tubo cardan pode resolver o problema do desalinhamento do conjunto de trabalho como um todo em um maquinário.

Onde podem ser aplicados os Tubos Cardan?

No setor automotivo, são usados em veículos com motor dianteiro e tração traseira ou 4X4 como meio de transmissão, e ainda como substitutos da corrente de transmissão em motocicletas, o que torna o conjunto mais silencioso e melhora sua manutenção.

Na indústria, é amplamente aplicado para compensação do desalinhamento entre motores e equipamentos, podendo trabalhar em baixos ângulos e em alta velocidade ou vice-versa.

Já no segmento agrícola, seu uso é comum em tratores de pequeno, médio e grande porte; e no segmento naval, costuma ser aplicado em motores de navegação ou equipamentos extratores de areia, pedra e derivados.

 

O que garante a qualidade de um tubo Cardan?

Geralmente fornecidos com superfície externa lisa e protegidos por uma camada de óleo, para terem sua qualidade aferida, bons tubos Cardan precisam obedecer a algumas normas técnicas, como EN 10305-2, SAE 1020, EN 10305 -2 + C, DIN 2393 – BK, NBR 5599 -2 – + C e normas relacionadas aos aços SAE 1010 (E 195) e SAE 1020/1021 (E 275), por exemplo.

Aqui na Century, você os encontra dentro de todas estas normas de qualidade, com o melhor custo x benefício do mercado, entrega rápida e possibilidade de tamanhos grandes.

Entre em contato conosco e saiba mais!

https://centurytubos.com.br/century-tubos/tubos-cardan/818/century/ Saiba tudo sobre tubos de aço ideais para condução de fluidos Tubos de Condução de Fluídos

Quando falamos de tubos de condução de fluídos, estamos falando do transporte de líquidos e gases, por vezes corrosivos ou mesmo inflamáveis, que demandam uma estrutura perfeitamente adequada para sejam conduzidos de forma eficiente e, sobretudo, segura.

Se você tem dúvidas quanto a qual o tubo de aço ideal para condução de fluídos, esse artigo é especialmente para você. Confira:

O que é um tubo de condução de fluídos

Como o próprio nome diz, este tipo de tubo serve para o transporte de substâncias como líquidos, gás ou óleo. Eles devem obedecer, obrigatoriamente, às normas técnicas NBR 5580, NBR 5590, e/ou à norma americana ASTM A53 e à norma europeia DIN EM 10255 (antiga DIN 2440). Estas normas definem as propriedades químicas, as propriedades mecânicas, sua espessura, dimensões, tolerância e a, para que eles sejam considerados tubos de condução adequados.

Aplicações do tubo de condução de fluídos

Este tipo de tubo também é comum em plataformas de petróleo e gás, caldeiraria, usinas, maquinário industrial, etc. Toda a infraestrutura que precise de um sistema de combate a incêndio também precisa de tubos de condução. Em suma, em qualquer lugar onde haja condução de água, óleo e gás, estão os tubos de condução.

Existem diferenças entre os tubos de condução de fluídos?

Sim. Estes tubos podem ser pretos, galvanizados a fogo, pintados (dentro da norma NBR5590), podem ter pontas lisas, pontas chanfradas, pontas com roscas BSP e NPT e ponta com ranhura ou grooved, de acordo com a necessidade do cliente ou aplicação. Além disso, dentro de suas duas normas técnicas obrigatórias, uma pode ser mais apropriada do que a outra. A norma NBR5580 não demanda tantos requisitos de qualidade como a norma NBR5590, mas dependendo do projeto, às vezes ambas podem ser indicadas ou apenas uma das duas ser considerada ideal.

Como identificar um bom tubo de condução de fluídos

Estes tubos possuem marcações em baixo relevo, com gravação do número da corrida de lote, diâmetros e espessuras também gravados no tubo, além de logotipo do INMETRO, quando estão totalmente de acordo com as normas técnicas referentes. São estes detalhes de marcação no tubo que atestam que ele seja um tubo de condução e não um tubo estrutural.

Tubos de condução podem ser substituídos por outros tubos?

Jamais. Os tubos para condução de fluidos têm medidas e tolerâncias especificas, além de requisitos de qualidade e testes mecânicos únicos, que caracterizam a função de conduzir fluidos. Utilizar tubos de outros materiais, espessuras, dimensões, e fora das normas técnicas pode ser bastante perigoso. Para evitar um eventual escape de gás, um vazamento de combustível ou mesmo de água em excesso, por exemplo, utilize os tubos adequados para estes fins.

Agora que você já sabe o que levar em conta na hora de comprar tubos de condução de fluídos, conte com a Century Tubos.

Nossos tubos atendem às solicitações de todas as normas técnicas necessárias, com certificado de qualidade INMETRO. Todos possuem costura, tornando a composição do projeto mais funcional e completa, e ainda dispomos de diversos tubos a pronta entrega no maior estoque do Brasil. Consulte-nos e saiba mais!

https://centurytubos.com.br/tubos/tubos-para-conducao-de-fluidos/804/century/ Tubos retangulares: resistência e versatilidade em projetos estruturais Tubos retangulares

Entre todos os tubos de aço carbono adaptáveis a diferentes funcionalidades, os tubos retangulares são 100% adequados às aplicações estruturais. Com versatilidade, resistência e fácil manuseio, estes tubos garantem a firmeza, segurança e qualidade que sua estrutura precisa. Conheça mais sobre eles a seguir.

Qual a função dos tubos retangulares?

Estes tubos têm função apenas estrutural. São muito utilizados em estruturas metálicas da construção civil, na indústria de máquinas em geral, indústria de fundações e qualquer outra aplicação estrutural que demande uma alta resistência a esforços mecânicos constantes.

Como são produzidos os tubos retangulares?

Tubos retangulares são produzidos em aço com alta concentração de carbono, o que lhes dá grande resistência e firmeza. Soldados através do processo HFIW – High Frequency Induction Welding, os tubos retangulares devem obedecer às normas NBR6591, NBR8261, ASTM A500, Grau A, B, C e D para estarem 100% adequados às suas aplicações.

 

Tubos retangulares possuem diferenças entre si?

Sim. Dependendo da aplicação estrutural desejada, estes tubos podem apresentar variação em espessura, dimensão e acabamento.

Sua dimensão pode variar de acordo com a demanda, chegando a tamanhos grandes em aplicações estruturais mais robustas. Pode haver diferenças também em seus cantos (retos ou ligeiramente arredondados), e em seus raios internos, mesmo em tubos de mesmo diâmetro, dependendo do fabricante.

Suas cores também podem apresentar diferença de acordo com o processo produtivo. Na produção fina a frio, as espessuras vão de 0,90mm a 1,90mm, e a cor do tubo é um pouco mais clara. Na produção fina a quente, as espessuras são acima de 2,00mm e sua coloração é mais escura, fazendo-o ser chamado também de “tubo preto”.

Por que escolher a Century Tubos?

Em nosso portfólio, você encontra tubos de grandes diâmetros e espessuras para projetos especiais. Dependendo do diâmetro que seu projeto precise, há tubos só poderão ser encontrados a pronta entrega na Century Tubos.

Tubos quadrados e retangulares são nosso maior investimento, e conseguimos atender praticamente qualquer demanda a pronta entrega, mesmo em grandes quantidades, graças ao amplo estoque que mantemos aqui.

Agora que você já conhece em detalhes o que faz um tubo retangular de excelência e sabe que pode contar com a Century Tubos, entre em contato com nossa equipe de vendas e solicite um orçamento para seus tubos retangulares!

https://centurytubos.com.br/century-tubos/tubos-retangulares/806/century/ Conheça os tubos redondos aço carbono e sua aplicações na indústria Tubos redondos

Existem tubos específicos para determinados fins, como tubos de condução de fluídos, tubos estruturais, tubos para aplicações mecânicas, tubos de precisão, entre outros.
Quando falamos de tubos redondos, estamos falando de todos estes e muito mais.

Para que servem os tubos redondos?

Os tubos redondos podem ser ideais para qualquer aplicação. Suas medidas e dimensões podem variar de acordo com as necessidades, e por sua forma versátil, ele proporciona bom encaixe com alta resistência a esforços mecânicos.

Como são feitos os tubos redondos?

Na Century, trabalhamos com tubos com solda (costura). A produção deles é feita a partir de slitters retirados das boninas de aço. Estes slitters são como “fitas de aço” em larguras diversas, de acordo com o diâmetro dos tubos que serão produzidos, os slitters entram na máquina de conformação do tubo e conforme a máquina vai moldando a forma tubular, as duas pontas dessas fitas se encontram. Na sequência, uma outra máquina faz a solda que é por meio do processo HFIW – High Frequency Induction Welding, um método que não só garante resistência e precisão, como também um excelente acabamento.

Quais normas técnicas os tubos redondos atendem?

Por ser o mais versátil e atender às mais variadas aplicações, os tubos redondos podem ser encontrados dentro de todas as normas nacionais e internacionais. Eles podem ser feitos de acordo com as normas NBR 5590, NBR 6591, NBR 8261, ASTM A53, NBR 6591, DIN 2394, EN 10305-3, DIN 2440, DIN 2441 e muitas outras, o que garante que eles estejam sempre dentro dos padrões de qualidade necessários.

Quais as vantagens dos tubos redondos?

Graças aos seus componentes, seu processo produtivo e sua adequação às mais diversas normas para garantir seu uso em diferentes ramos de atuação, estes tubos apresentam resistência superior, pois precisam passar pelos mais distintos testes de qualidade.

Além de permitir um bom encaixe de um tubo dentro do outro, como mencionamos acima, seu formato e componentes são excelentes para utilização como tubo condutor, seja para água, gás ou esgoto.

Aqui na Century Tubos, você encontra tubos redondos com os mais variados diâmetros e com rebarba removida, o que também os torna ainda mais vantajosos do ponto de vista estético.

Já se convenceu de como estes tubos podem atender sua necessidade com maestria? Solicite um orçamento conosco e comprove toda esta qualidade!

https://centurytubos.com.br/century-tubos/tubos-redondos/791/century/
Empresa certificada com CRCC Petrobras
Empresa com certificado ONIP
Empresa com certificado NBR ISO 9001